Seja um corretor de imóveis de destaque no mercado imobiliário

Se diferenciar entre tantos profissionais não é uma tarefa simples, mas é possível aprimorando competências e habilidades importantes para os profissionais da área

A competitividade no mercado imobiliário se tornou ainda mais acirrada com a crise político-econômica que o país enfrenta. Isso porque os profissionais precisaram aprender a lidar com as mudanças no cenário econômico para continuar vendendo. Sem contar que, nos últimos anos, houve um  crescimento no número de profissionais  que atuam neste meio, o que também contribuiu para o aumento da competição entre os corretores de imóveis.

A questão é que muitos desses novos corretores não possuem nem a qualificação adequada para a área e muito menos experiência para lidar com os trâmites imobiliários. De repente, o setor se viu com uma carência de bons profissionais, que se dedicam à carreira e conseguem se tornar um corretor de imóveis de destaque.

Neste artigo vamos dar algumas dicas para aqueles corretores de desejam ampliar seus conhecimentos e desenvolver novas habilidades no ramo. Continue lendo e descubra alguns pontos importantes a serem reforçados para quem quer se destacar no segmento imobiliário.

Profissionalize-se

Se você já atua no ramo, mas ainda não se profissionalizou, você provavelmente está trabalhando de forma irregular. O primeiro passo para quem deseja ser um corretor de imóveis de destaque é ingressar em um curso Técnico de Transações Imobiliárias. Só depois de concluir o curso de formação e ter cumprido as 160 horas mínimas de estágio, o profissional estará apto a solicitar sua carteira de registro profissional ao CRECI. O Ibrep oferece curso Técnico em Transações Imobiliárias à distância.  A vantagem é que são oferecidos monitores e tutores altamente qualificados e com experiência em educação à distância para sanar todas as dúvidas do aluno. As provas são presenciais e podem ser agendadas quando o aluno preferir, mais uma vantagem para quem pretende conciliar trabalho e estudos.

Esteja atualizado

Assim como qualquer profissão, o corretor de imóveis de destaque precisa estar sempre atualizado. Ficar por dentro das tendências de mercado, estar atento a economia do país e se especializar são passos importantes para alcançar o tão esperando sucesso profissional. É importante que o corretor avalie suas habilidades e busque aprimorar aquelas funções que sente mais dificuldade em desempenhar. Muitos profissionais não dominam questões burocráticas e de documentação. A melhor opção é buscar uma especialização na área, como o curso de Documentação Imobiliária, do Ibrep. Nele, são apresentados conceitos com fundamentos na constituição brasileira, orientando o profissional a realizar negócios duradouros de forma ética e responsável.

Seja um bom vendedor

Para ser um corretor de imóveis de destaque, é importante otimizar suas técnicas de compra, venda e locação. A clientela está cada vez mais exigente neste mercado e especializar-se tornou-se um pré-requisito para quem quer estar em vantagem com relação à concorrência. O profissional atua como um mediador entre o dono do imóvel e o futuro comprador ou locatário, por isso, é importante desenvolver estas habilidades. O Ibrep oferece o curso de Técnicas de Vendas que tem o objetivo de capacitar corretores em formação ou já atuantes na área a realizar a captação, manutenção e fidelização de clientes.

Trabalhe online

Quem atua no ramo imobiliário há algum tempo já deve ter percebido que os negócios não estão mais só dentro da imobiliária ou dos plantões de venda. Atualmente, a compra ou venda de um imóvel pode estar apenas a um clique de distância. O corretor de imóveis de destaque sabe atuar com excelência no cenário digital. Se este não é o seu caso, chegou a hora de aliar o seu conhecimento técnico às inúmeras ferramentas digitais que já estão à disposição do mercado. O Curso de Corretor de Imóveis Online do Ibrep aborda conceitos, temas e assuntos relacionados ao universo digital. Nele, o aluno aprende passo a passo as melhores estratégias de ação neste ambiente.

Conclusão

Para ser um corretor de imóveis de destaque, o profissional precisará se dedicar a profissão, mas também a formação. Investir em cursos de especialização e profissionalização é o melhor caminho para a melhoria constante do trabalho realizado. Quanto mais o corretor aprimora seus conhecimentos, mais se destaca diante de seu público, pois consegue realizar boas transações imobiliárias e alcançar as expectativas dos clientes, tanto aqueles que querem vender, comprar ou alugar um imóvel. Em contrapartida, aqueles que escolhem ficar parados no tempo estão perdendo excelentes oportunidades de crescer e se destacar na profissão.

Anúncios

Curiosidades da profissão de Corretor de Imóveis: Quando e como surgiu a profissão?

Saiba quando e como surgiu a profissão para a qual o IBREP tem orgulho de formar novos colaboradores!mesdocorretor_curiosidadesA profissão de Corretor de Imóveis é relativamente antiga. Mesmo que não com o nome que é dado atualmente, pessoas já mediavam transações imobiliárias entre duas pessoas que negociavam seus imóveis. Quem mais necessitava deste tipo de serviço antigamente eram viúvas, viúvos, moribundos ou pessoas que recebiam imóveis como herança e moradores do interior. Na Roma antiga, o Corretor era conhecido como Proxeneta, e sua remuneração conhecida como Proxeneticum.

No Brasil

Em nosso país, os Corretores de Imóveis têm registros que datam de 1850, quando houveram estipulações referentes aos Corretores de Imóveis registrados em um título destinado a auxiliares do Comércio, no Código Comercial Brasileiro. Entretanto, a primeira regulamentação da profissão de Corretores de Imóveis no Brasil data de 27 de Agosto de 1962, a data que marca o dia do Corretor em nosso país.

Fonte: Publicidade Imobiliária

Este foi o primeiro artigo de curiosidade da profissão do Corretor de Imóveis de uma série de 4 artigos que serão postados em nosso Blog com informações a respeito da profissão que homenageamos neste mês. Fiquem de olho!

Realização: IBREPTEC – Departamento de Tecnologia Educacional do IBREP